VOCÊ ESTÁ EM:
icone

NOSSAS NOTÍCIAS

Doce Vida e Cabanha Luizinha 09/09/2015
Agropecuária Doce Vida adquire reprodutor Ile de France na Expointer 2015

Borrego de 14 meses destaca-se pela conformação e caracterização racial.

Buscando agregar novas famílias no processo de aprimoramento genético do seu plantel de ovinos, a Agropecuária Doce Vida investiu o valor de R$ 8.000,00 na aquisição de um novo reprodutor da raça Ile de France durante a Expointer 2015, realizada de 29 de agosto a 06 de setembro em Esteio (RS). O animal de Box 0562, “Luizinha 846”, macho de 14 meses, foi adquirido de um dos mais tradicionais criatórios do estado. “Buscamos nos lotes da Cabanha Luizinha de São Francisco de Paula (RS) um animal de carcaça moderna com ótima conformação aliada a uma boa caracterização racial. Trata-se de um indivíduo oriundo de uma seleção de 30 anos” afirmou Ivone Schroeder, diretora geral da Agropecuária Doce Vida. O exemplar é filho de “Cabanha São Paulino 294” que já foi reservado de grande campeão na Expointer com a matriz “Luizinha 643”.

Conforme Luiz Carlos Nunes Maggi, proprietário da Cabanha Luizinha, a criação de Ile de France em sua propriedade iniciou em 1985. “Conheci a raça na PUC em Uruguaiana. Por ser uma ovelha muito produtiva, com facilidade de parto, muito carniceira, com carcaça excepcional e qualidade de carne inigualável optamos por investir na raça” conta.  Ele revelou que o principal critério de seleção da Cabanha Luizinha é a busca pela pureza racial. “Em raça e genética pureza é essencial” afirma. Segundo ele, o animal adquirido pela Doce Vida é um dos destaques do grupo de nascidos em 2014. “Desde que saímos de casa já tínhamos o Luizinha 846 como um indivíduo de nossa preferência. É um borrego de uma conformação excepcional, sendo extremamente carniceiro e com ótimo arqueamento de costelas. Tanto seu pai como o avô materno foram campeões na Expointer. Garanto pelos meus 30 anos de seleção que a Agropecuária Doce Vida está muito bem servida de reprodutor Ile de France. Tenho certeza que a produção deste borrego será diferenciada e quem sabe em breve, poderemos também adquirir exemplares da Doce Vida” salientou.  

Fêmeas e machos Ile de France, incluindo o Luizinha 846, estarão sendo expostos pela Doce Vuda na 73ª Exposição Agropecuária de Alegrete, entre 14 e 18 de outubro no parque Dr. Lauro Dornelles.   

Texto: Nathã Carvalho - Coordenador de fomento 

Ivone Schroeder, diretora geralLuizinha 846Ivone e Luizinha 846
voltar
PÁGINA
WagyuA.R.C.O.
GALERIAS
Expointer 201572ª Exposição Agropecuária de Alegrete
NEWSLETTER


Facebook Flickr
Todos os Direitos Reservados - Agropecuária Doce Vida Webde, Web for Business